A triste realidade de Jacuípe a cidade virou um deserto, após a Festa de Reis


Cortes não poderão serem feitos às sextas-feiras, sábados e domingos (Foto: agenciacongresso.com.br)

A bela e pacata cidade de Jacuípe, no extremo da mata Norte de Alagoas, após a Festa de Reis, volta a sua realidade bucólica e deserta do lugar.A movimentação vista na Festa de Reis contrasta com uma realidade cotidiana, as ruas estão vazias, o comércio sem movimentação, a cidade parece um deserto, pois segundo alguns comerciantes, “com as condições das estradas, só vem à Jacuípe quem tem negócio”, disse um comerciante que não quis se identificar.

Sem um comércio forte e a falta de geração de emprego e renda a população, lamenta essa realidade que o município vem atravessa e deixa seu povo na incerteza.
#visaodealagoas

Anterior Lampejo
Próximo Alyne uma nova Conselheira Tutelar

Sem Comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *