Fui extremamente adulta quando assimilei as travessuras de quando criança conseguia abrir um sorriso de cara sisuda, como se aquilo à mostrar tivesse algo que o fizesse amadurecer, guiava meus tropos passos que mesmo sem direção definida buscava a cada amanhecer um lampejo que o fizesse arder com brandura, já que as atribulações repentinas para mim  já companheira, transformava …

0 46

Nesse momento que cada um busca abraçar desejar boas festas, confraternizando-se é momento também de cada um retroceder um pouco e ver se realmente sua missão durante o ano foi dedicado a aquele que bateu a sua porta e não negaste, Se nu, desse agasalho, Se faminto, desse o que comer, Se descalço, ofereceste sapatos, …

0 53

Num mundo mágico cheio de fantasias e belezas já não vejo mais loucuras de meninos a desenhar nas paredes ilusórias, o seu mundo pretendido suas andanças se podemos assim dizer; resumem em caminhos incertos em trilhas muitas vezes nebulosas, o lado escuro fantasiado de bem querer. Aqueles que lhe rodeiam quando meninos foram pequenos a …

0 60

Gosto amargo que adocica outras bocas Murmura em silencio que faz acordar, Prendem gestos e debruça sorrisos soltos Caça trilhas num mundo perdido, Sentes um ar sombrio no canto dos olhos E põe clareza em tudo que faz, Traz consigo um jeito moleque Que caçoa, brinca e não se deixa domar Faz gestos de ira, …

0 58

Te querer E não ver acordar em teu canto de olhos Deduzir que acordou contente E não sentir escorrer de sua boca Um sorriso breve Um beijo na testa, Buscar encontrar suas mãos Me sinto cigano, Sem rumo a tomar Mesmo sendo o condutor do destino Já não sei como seguir, E nesse desencontros aparentes …

0 190

Amanhã quando o sol romper o céu que horas antes era turvo quero ver o azul reluzir a terra morna de hálito sereno e de árvores molhadas. Quero ver orvalhos com suas gotinhas que derramam como se fosse lágrimas dos olhos de pimpolhos que acalentados aos seios de suas mães, lacrimejam com o sorrir. Quero …

0 64

FLÓREA Seu jeito desconforme de se trajar Meia louca, irreverente descuidada Corpo exposto, a mascar chiclete Cabelos aos ventos sem penteio revoltantes, E você a se importar com as folhas Que caem em dias de outonos, E o entardecer em dias de primavera, Que brotam lindas flores. E não sabendo como procurar Me vejo impotente, …

0 86

A LUA Lua cheia de amor Dar-me um pouco de ti Para que eu possa levar A alguém longe daqui Um pouquinho desse amor Fazendo de o escuro sair Quem sabe na longa viagem Encontrar-te diferente Tu sendo Minguante ou Nova Sempre me deixa contente Pois sei que logo-logo Tu és Cheia novamente Então quero …

0 75

Somos parte de um mundo desconhecidos, onde podemos cantar correr, pular provocar risos em momentos de tristezas e transformar em choros quando a emoção nos aflora ou em alegrias recebidas. No peito pulsante um coração bate cadentemente e o fluir sanguíneo bombeia todo o corpo em cada canto e recanto, sem nenhum preconceito entre os …

0 80

SONHOS INACABADOS Eu quero deitar no seu corpo quente Relaxar, sonhar de olhos abertos, Ver tudo e não dizer nada, Ser amigo ao dialogo enquanto teu corpo se despe, Entranhar-me nas suas saliências Me sentir estranho ao despertar, Buscar riquezas entre ruínas arenosas Ter em cada abrir e fechar de olhos, Clareza de um sorriso …

0 63

MENU

Voltar